Embaixada de Portugal na Alemanha

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Prémio “Golden Victoria 2015” atribuído a Portugal

100209© VDZ

O Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, deslocou-se a Berlim para, em nome de Portugal, receber o prémio “Golden Victoria 2015”, atribuído pela Associação de Editores de Revistas Alemãs (VDZ), na categoria Europa, em “reconhecimento dos esforços empreendidos por Portugal e pelos Portugueses para ultrapassarem, em conjunto com os nossos parceiros, uma das mais graves crises económicas que a Europa teve que enfrentar”. Para a VDZ Portugal constitui “um exemplo notável da força e dos valores da comunidade europeia”.

Entrega do Prémio teve lugar durante o evento “Publishers´ Night” no edifício da Representação da Deutsche Telekom (antiga sede do telégrafo imperial) e contou com a presença de cerca de mil convidados, em particular do sector da edição das revistas, incluindo os redactores-chefe dos principais jornais e revistas, mas também dos meios político e económico. Além do Presidente da Câmara Municipal de Berlim, Michael Müller, e de várias personalidades ligadas à Chancelaria Federal, compareceram também elementos deste Auswärtiges Amt e de outros ministérios sectoriais, bem como representantes de partidos políticos.

Coube ao Comissário Europeu Günther Öttinger proferir a laudatio a Portugal. Sublinhando a importância de se tratar de uma distinção atribuída a um país, e não a uma personalidade como tem sido o caso em edições anteriores, salientou que o prémio “Europeu do Ano'” era dedicado "aos 11 milhões de pessoas que vivem em Portugal" pela sua prestação e contributo, num quadro de concertação social, para uma saída bem-sucedida do programa de ajustamento económico e financeiro. Recordou o Portugal dos Descobrimentos e a determinação dos nossos navegadores em “levar a cultura e os valores europeus e cristãos para todo o mundo”, a revolução pacífica do 25 de Abril e elogiou a hospitalidade do povo português e a beleza do país. De forma muito vincada Öttinger afirmou que Portugal conseguiu "encontrar o caminho para mais emprego e competitividade, tendo-se tornado mais atractivo para o investimento e também para o turismo”, tendo deixado no final um apelo aos Portugueses para que "possam manter uma estabilidade (…) sem oscilações".

Por seu lado, Ministro Machete agradeceu o prémio que considerou “o reconhecimento de um percurso de sucesso no quadro europeu assente na coragem, determinação e espírito de sacrifício do povo português, com o valioso o apoio e incentivo dos nossos parceiros europeus.”. Ministro elogiou também a parceria entre Portugal e Alemanha que “partilham uma relação de grande proximidade, alicerçada em sólidos laços de amizade e numa profícua cooperação a diversos níveis e em diversas áreas: política, económica, financeira, cultural e social.”

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail